Palestra Prevenção a Depressão e ao Suicídio



 

Nesta manhã (26), na Câmara Municipal de Vereadores, foi realizada uma palestra versando sobre o tema Depressão e Suicídio.

A Palestra foi ministrada aos alunos do 7º ano da EMEF “Saturnina Rosa Secche”, pela psicóloga Luzia Fátima Valle Galhardo Molina e a fonoaudióloga Karina Tanuri M. A. Herrera.

A depressão é um distúrbio afetivo que acompanha a humanidade ao longo de sua história. Pessoas que sofrem com distúrbios de depressão apresentam uma tristeza profunda, perda de interesse generalizado, falta de ânimo, de apetite, ausência de prazer e oscilações de humor que podem culminar em pensamentos suicidas. A depressão atinge mais de 300 milhões de pessoas de todas as idades no mundo, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). No Brasil, a estimativa é que 5,8% da população seja afetada pela doença.

As tentativas de suicídio ou sua prática efetiva envolvem sempre uma grande dose de sofrimento, tensão, angústia e desespero. Esta dor da alma pode ser real ou ser a consequência de uma crise de natureza afetiva, de uma conturbação mental, como, por exemplo, a psicose no seu grau mais agudo, ou de uma depressão com sintomas delirantes. Se estes estados alterados da mente vêm acompanhados do consumo de drogas e de álcool, a ação é potencializada significativamente, o que torna a atitude suicida praticamente inevitável. Estima-se que no mundo, segundo a OMS, 800 mil pessoas morram desta forma anualmente, uma a cada 40 segundos e no Brasil estima-se que os registros cheguem a 10 mil por ano e dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) revelam ainda que a cada adulto que se suicida, outros 20 atentam contra a própria vida.